Top 10 alimentos que ajudam a reduzir a pressão alta

Se você é hipertenso, o consumo regular destes dez alimentos vai ajudar a normalizar a pressão arterial. Se você sofre com pressão alta, chegou ao lugar certo. Neste artigo, selecionamos dez alimentos que devem ser incluídos na sua dieta, a fim de normalizar a pressão.

Infelizmente, muita gente ainda não entende como lidar com esse assassino silencioso. Para piorar, a hipertensão também causa outros problemas de saúde: diabetes, derrame, doenças cardíacas, insuficiência renal e até a morte. Como não apresenta sintomas, é importantíssimo sempre verificar sua pressão.

Estima-se que um terço da população mundial tenha pressão arterial elevada. Nossa pressão é medida em ‘milímetros de mercúrio’ (mm Hg) e é escrita como dois números separados.

O primeiro número ou o número sistólico mede a pressão dentro das artérias quando os músculos do coração se contraem. O segundo número mede a pressão nas artérias quando os músculos está descansando entre os batimentos cardíacos. De acordo com a American Heart Association, o limite normal da pressão é considerado 120/80 (12 por 8).

O intervalo entre 120/80 – 140/90 é referido como “pré-hipertensão” e qualquer resultado acima de 140/90 deve ser investigado. É importante salientar que uma única leitura não indica que você sofre de pressão alta. Os números elevados precisam ser registrados com certa constância.

Mas o que será que causa pressão alta? Embora a causa exata da hipertensão ainda seja desconhecida, temos evidências de que o excessivo consumo de sal, falta de exercícios, dieta não saudável e predisposição genética são alguns facilitadores.

Isso tudo sem falar de tabagismo, consumo excessivo de álcool, obesidade e estresse. Recentemente, um estudo também apontou como causa o consumo de alimentos processados e comida industrializada.

Ou seja, se você quer prevenir esse mal, melhore seu estilo de vida. Quer uma dica por onde começar? Então vamos lá! Diminua o consumo de sal
Muito sal pode causar aumento na pressão arterial

Portanto, diminua o sódio para que sua pressão se regularize. Mantenha a calma. Situações estressantes aumentam a pressão sanguínea. Por isso, aqueles que sofrem de hipertensão devem se poupar do estresse, antes que tenha problemas mais graves no coração.

Faça exercícios regularmente: Todo mundo sabe que uma vida sedentária é o berço de várias doenças. Então, se você não anda fazendo exercícios regularmente, está na hora de consertar as coisas.

Garanta a qualidade do seu sono: Devemos dormir pelo entre seis e oito horas todas as noites. Quanto menos dormimos, maior é a chance de desenvolvermos hipertensão.

Deixe de beber álcool: O ideal é parar de consumir álcool e também deixar de fumar, mas, se não consegue, diminua esse consumo drasticamente. O cigarro e a bebida aumentam a pressão arterial.

Diminua o consumo de cafeína: De acordo com a Mayo Clinic, a cafeína pode causar uma pequena elevação da pressão arterial. Então, se você é hipertenso, cuidado com o café e com outras bebidas ricas nessa substância.

Agora vamos ao que foi prometido no início do artigo: conheça dez alimentos que não devem faltar na sua cozinha, a fim de diminuir a pressão alta:

1. Banana: A banana é rica em potássio, o que ajuda a reduzir a pressão arterial. Para acrescentar essa fruta na sua dieta, você pode colocá-la no cereal, bolo, pão, vitamina, iogurte e até milkshakes.

2. Espinafre: Esta folha deliciosa é pobre em calorias, rica em fibras e repleta de nutrientes como potássio, ácido fólico e magnésio – nutrientes essenciais para reduzir e manter os níveis de pressão arterial.

Você sabia que meia xícara de espinafre cozido fornece cerca de 12% da ingestão diária recomendada de cálcio a um adulto? Espinafre cai muito bem na salada ou em sanduíches. Experimente!

3. Aipo: Praticantes de medicina natural têm usado aipo, há muito tempo, para reduzir a pressão alta. Pesquisas dizem que comer apenas quatro talos de aipo por dia pode reduzir a hipertensão.

Isso porque ele contém fitoquímicos conhecidos como ftalídeos que relaxam o tecido muscular das paredes das artérias, permitindo o aumento do fluxo sanguíneo e, por sua vez, diminuindo a pressão arterial.

4. Farelo de Aveia:  Ter uma dieta rica em fibras e grãos integrais ajuda o corpo a manter uma pressão sanguínea saudável. Por isso a aveia é uma excelente dica! Ela ajuda a reduzir a pressão sistólica e diastólica. Você pode consumir aveia com frutas ou usá-la no preparo de panquecas.

5. Abacate: O ácido oleico encontrado no abacate pode reduzir os níveis de pressão alta e colesterol. A fruta também contém potássio e folato, ambos essenciais para a saúde do coração. Além disso, é rica em vitaminas A, E, K, B e bastante revestido com fibras.

6. Melancia: Ele contém um aminoácido chamado L-citrulina, que provou reduzir a pressão arterial. Para quem não sabe, ela é excelente para a saúde do coração, pois é carregada de fibras, licopenos, vitamina A e potássio. Todos esses nutrientes têm efeitos redutores da pressão arterial. Adicione a melancia à sua dieta e aproveite os benefícios!

7. Beterraba: Rica em nitratos, a beterraba ajuda a relaxar os vasos sanguíneos e melhorar o fluxo. Um copo de suco de beterraba pode reduzir a pressão em até cinco pontos, segundo um estudo australiano de 2012. O efeito pode ser ainda melhor, se você consumir o suco diariamente.

8. Semente de girassol: Semente de girassol é rica em vitamina E, ácido fólico, proteína e fibra. Basta um punhado dessas sementes para reduzir a pressão arterial e promover a saúde do coração. A semente de girassol também é uma ótima fonte de magnésio, além de ser nutritiva. Mas atenção! Compre as sementes sem sal, a fim de minimizar sua ingestão de sódio.

9. Laranja: Esta fruta é uma delícia e muito rica em vitamina C e fibras. E, é claro, reduz a pressão arterial. Por isso, aconselhamos beber o suco ou consumir a própria fruta diariamente.

10. Cenoura : Cenoura é rica em potássio e betacaroteno, que se mostraram eficazes na redução da pressão alta. O suco de cenoura também ajuda a manter a pressão arterial normal, regulando as funções do coração e dos rins.

Cura Pela Natureza