Pai descobre que sua filha estava praticando bullying contra colega e decide dar a vítima um dia de compras porque sua filha adorava ir as compras

A criação e educação dos filhos não é uma tarefa fácil, mesmo quando os pais dão bons exemplos dentro de casa, parece muito mais fácil para os filhos, aprenderem os maus exemplos junto com os colegas na escola.

Alguns pais não se importam com os erros dos filhos, mas felizmente existem outros pais que fazem de tudo para que os filhos aprendam a respeitar o próximo, serem honestos e a serem justos.

Handy é um desses pais. Dedicado, que deseja o melhor para os filhos, ele não suportou quando soube que a sua filha He’onna estava fazendo bullying com uma colega da escola e frequentemente zombava dela, isso o deixou muito triste, e de maneira nenhuma iria concordar com essa situação.

O pai teve uma brilhante ideia para poder ensinar a filha, a se comportar diferente e respeitar o próximo, pois quando era adolescente, ele já passou por situações assim de ser intimidado, zombado na escola e não queria ver a sua filha fazendo a mesma coisa com outra pessoa.

Este é um comportamento negligente. O pai disse que essa situação de bullying de ofensa, fica marcado para sempre e ele queria ensinar a filha, para que ela nunca mais fizesse isso. Ele sabia que a filha amava fazer compras, por isso decidiu dar de presente a colega de escola, que sempre era zombada pela filha.

O pai estava economizando a muito tempo, porque sabia que a filha gostava de fazer compras, mas dessa vez ele não deu para filha esse presente, mas sim, para garota que a filha intimidava, pois sabia que isso iria ensinar a filha a se comportar de maneira diferente.

O pai disse que achava que estava certo, quando levou a moça que sempre era zombada pela filha para fazer compras, e sua filha teve que acompanhá-la. Ela não ganhou nada. Nenhum presente. Ela apenas assistia sua colega comprando tudo que queria. O pai disse que aquela situação, era para que a filha percebesse o privilégio que tinha, e para que assim, ela parasse de esmagar a autoestima de outras pessoas.

De acordo com Ryan, a filha aprendeu a lição, e hoje, as duas se tornaram boas amigas. O pai ficou feliz por poder demonstrar o caminho correto para a filha. Esse pai está de parabéns, por corrigir e educar sua filha, e que outros pais possam seguir esse belo exemplo.