Mãe coloca o filho para dormir ao seu lado e quando acorda, percebe detalhe assustador

Um bebê, de apenas 29 dias, acabou morrendo nesse sábado, 6, na cidade de Santa Rita, na Paraíba. E a mãe da criança, de 19 anos, pode ser a culpada, segundo a polícia. Ela foi indiciada por homicídio culposo, quando não há a intenção de matar, pois, segundo informou ao delegado Leonardo Formiga, deitou com o bebê e acabou pegando no sono.

Quando acordou, um pesadelo. Ela teria sufocado a criança e quando os policiais chegaram ao local, já era tarde. O pequeno acabou não resistindo. O corpo foi o IPC – Instituto de Polícia Científica da Paraíba e lá devem analisar as causas da morte.

Morte súbita e cama compartilhada:

É comum se deparar com casos como esse, em que bebês, ainda muito pequenos, que dormiam ao lado de seus pais acabam morrendo asfixiados.

O local ideal de colocar a criança para dormir, pelo menos em seus primeiros seis anos de vida, é em um berço no mesmo quarto dos pais, mas não em sua cama. Ainda mais se tiverem um sono pesado ou tomarem remédios para dormir.

Isso levanta ainda mais a discussão sobre a cama compartilhada: deixar que a criança durma ou não ao lado da mãe e do pai. Vale ficar atento aos riscos e às recomendações dos médicos que não recomendam a prática.

Outra causa de morte entre os bebês é a morte súbita, que ainda sem muitas explicações, acaba levando a vida das crianças. É possível tomar algumas medidas para evitar, como não colocar nenhum objeto no berço do bebê e colocá-lo para dormir de barriga para cima. Fique atento!